15/06/2016

Carlos Alberto Sardenberg (1947)

Carlos Alberto Sardenberg é um jornalista brasileiro.

Estudou Filosofia na Universidade de São Paulo, porém no último ano do curso, entre 1968 e 1969, foi impedido de se graduar em razão de eventos ligados ao AI-5. Por sugestão de um jornalista da revista Veja, amigo do seu pai, foi então trabalhar no jornal O Estado de S. Paulo.

Desde então, atua profissionalmente no jornalismo. Antes de optar pelo jornalismo econômico, passou por diversas editorias - geral, esportes, internacional e política. Tem experiência como repórter, redator e editor. Já passou pelas redações dos jornais O Estado de S. Paulo, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e Gazeta Mercantil e das revistas Veja e Istoé. Na TV, foi comentarista da TV Cultura e diretor de jornalismo da Rede Bandeirantes.

Tem atuado preponderantemente em São Paulo, mas trabalhou durante seis anos em Brasília e realizou coberturas no exterior. De 1985 a 1987, foi Coordenador de Comunicação Social do Ministério do Planejamento (gestão João Sayad) - ocasião em que participou do lançamento e divulgação do Plano Cruzado.

Trabalhou também na área econômica do governo do estado de São Paulo na gestão Franco Montoro (1983-1987). De 1987 a 1988, foi assessor da Reitoria da Universidade Estadual de Campinas, ocasião em que trabalhou na definição de cursos de pós-graduação em jornalismo.

Atualmente é comentarista do Jornal da Globo e âncora da rádio CBN. Escreve, ainda, um blog, no qual comenta e analisa as notícias sobre economia, para apresentar o Jornal Nacional, Bom Dia Brasil, Jornal Hoje e Jornal da Globo. É forte crítico da política econômica do governo do presidente Lula e da presidente Dilma Rousseff. Fonte: Wikipédia