17/07/2016

IBOPE (1942)

O Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE) é um instituto brasileiro que realiza pesquisas em vários ramos no Brasil há mais de 60 anos, e em mais 11 países da América Latina.

Sendo um dos maiores institutos da área, o Ibope é utilizado por várias empresas que necessitam de seus serviços, que mede a audiência de seus programas com dados estatísticos gerados pelo Ibope.

O nome da empresa virou gíria comum no Brasil e é um verbete oficial do dicionário brasileiro, e consta como sinônimo audiência e prestígio.

O Ibope foi criado em 1942 pelo radialista Auricélio Penteado, proprietário da Rádio Kosmos de São Paulo. Naquele ano, ele decidiu aplicar no Brasil técnicas de pesquisa aprendidas nos Estados Unidos com George Gallup, fundador do American Institute of Public Opinion, para saber como andava a audiência de sua emissora.

Ao medir a audiência das rádios de São Paulo, Auricélio constatou que a Rádio Kosmos não estava entre as mais ouvidas. A partir daí, passou a dedicar-se exclusivamente às pesquisas. Em 1950, Auricélio Penteado deixa a presidência da empresa a cargo de um grupo de diretores.

Em 1977, Paulo de Tarso Montenegro assume a presidência da empresa. Um ano depois, convida seus filhos Carlos Augusto Montenegro e Luís Paulo Montenegro a ingressarem na empresa. A empresa realiza as primeiras pesquisas de boca-de-urna, antecipando com extrema precisão o resultado das disputas eleitorais, no final dos anos 70.

Nos anos 80, cria a empresa "Painel" e lança o Painel Nacional de Consumo. A empresa também finaliza o desenvolvimento de aparelhos "peoplemeters" com tecnologia própria, viabilizando coleta, processamento e entrega dos dados de audiência em tempo real, uma espécie de "première" mundial.
Na década de 90, o IBOPE associa-se a empresários no México, Colômbia, Venezuela, Equador, Peru, Chile e Argentina. A partir da parceria, dá inicio ao fornecimento de dados consolidados da América Latina para as TV´s a cabo. No mesmo período, a empresa estabelece contrato com o Grupo WPP, um dos maiores conglomerados de comunicação e pesquisa do mundo, além da Nielsen, líder mundial em medição de audiência de TV.

Em 2000, associa-se à Nielsen NetRatings, líder mundial em medição de internet. Com isso, cria a empresa IBOPE/NetRatings. A empresa passa a investir também no Instituto Paulo Montenegro, instituição sem fins lucrativos que desenvolve e executa projetos educacionais para escolas da rede pública a partir dos conhecimentos acumulados pela empresa.

Em cada cidade onde é realizada a medição de audiência de TV , o Ibope sorteia um conjunto de domicílios que representa a população. Com a autorização dos moradores, é instalado um aparelho em cada televisor da casa (peoplemeter), que identifica e registra automaticamente qual canal está sendo assistido.

O aparelho envia, pelo sistema de telefonia celular, as informações de todas as mudanças de canais realizadas pelo telespectador para uma central de coleta dos índices que as processa, analisa e distribui para os clientes.

Os dados de audiência da Grande São Paulo, Grande Rio de Janeiro, Grande Belo Horizonte e Grande Porto Alegre são transmitidos pela Internet para os clientes no minuto posterior (real time), enquanto as da Grande Florianópolis, Grande Brasília, Grande Salvador, Grande Recife, Grande Fortaleza,Campinas, Grande Vitória, Grande Goiânia e Grande Belém são enviados no dia seguinte, pelo sistema overnight mesmo usado nos demais países em que o IBOPE não está presente, já que o sistema de audiência Real Time é exclusivo de países de atuação do IBOPE. 

O Ibope mede a audiência de até quatro televisores de cada domicílio. Participam da amostra pessoas de ambos os sexos, com mais de quatro anos de idade, que residem em áreas urbanas e fazem parte das classes A, B, C, D ou E, de acordo com o Critério de Classificação Econômica Brasil.

Além de pesquisas de audiência televisiva, o IBOPE realiza pesquisas sobre:
  • Política
  • Demografia (quais os hábitos de cada região)
  • Mídia (revistas, jornais, rádio e televisão, paga ou aberta)
  • Mercado
Fonte: Wikipedia

 http://www.ibope.com.br