03/08/2016

TV Brasileira nos anos 60


_________________________________________________

Breve Cronologia

1960  Inicia-se a utilização do videotape (VT). 

1962 – É instituído o Código Brasileiro de Telecomunicações. É criado também o Conselho Nacional de Telecomunicações (CONTEL) e a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT). 
Roberto Marinho ganha concessões dos canais de TV do Rio de Janeiro e em Brasília e assina contrato com o grupo americano Time-Life. 

1963 – Chegam ao Brasil os primeiros aparelhos de TV em cores, importados dos EUA.   
O  Jornal de Vanguarda ganha Prêmio Ondas, de melhor jornal do mundo na Espanha. 

1964 – A TV TUPI deixa de exibir o Repórter Esso e em seu lugar entra o Ultranotícias. O Reporter Esso passa a ser exibido pela TV Record até 1970.  

1965 – Jornal da Cidade, telejornal na hora do almoço, inova com a apresentação de crônicas ilustradas com filmes. A TV GLOBO é inaugurada. 

1966  A TV Paulista é comprada pela TV Globo . Em 25 de abril, estreia o Jornal de Vanguarda, o primeiro telejornal da Rede Globo.

1967 – É criado o Ministério das Comunicações e a Empresa Brasileira de Correio Telégrafo e Telecomunicações (EMBRATEL). É inaugurada a TV Bandeirantes pelo empresário João Saad. 

1968 – Em 5 de fevereiro, é inaugurada a TV Globo de Belo Horizonte, Minas Gerais. Morre Assis Chateaubriand. 
É inaugurada a TELSTAR da Rede Nacional de Microondas, sistema de transmissão por satélites. A TV Globo é pioneira na transmissão via satélite. 
Sai do ar o Jornal de Vanguarda. 

1969  A Time-Life retira-se da Globo e esta finalmente nacionaliza-se. É inaugurada a TV Cultura de São Paulo. Em 20 de julho, a chegada do homem à Lua é transmitida pela TV Globo via Embratel. Em 1 de setembro, estreia o telejornal Jornal Nacional da TV Globo, com apresentação de Hilton Gomes e Cid Moreira.